quarta-feira, 3 de fevereiro de 2010

A casa do anãozinho.

Meu consultório é muito simples, minha sala tem uma maca de alvenaria e embaixo dela para aproveitar o espaço, colocamos umas prateleiras onde guardo pápeis e impressos. Tem uma portinha de mais ou menos 70 cm de altura fechando este espaço.
Pois bem, certo dia Alexandre de 4 anos, se enfiou ali e não teve quem o tirasse!
-O que você quer aí meu amor? Perguntei
-Xiii! Fez com o dedinho na boca.
-Tô esperando o anãozinho que mora aí dentro!!!

Um comentário:

Lak disse...

Nossa, Zuleid, esse me fez rir alto aqui hahahahahaha

Será que o anãozinho não quis aparecer pra ele?

Beijocas