segunda-feira, 9 de novembro de 2009

As aparências enganam!

Há alguns anos, tive que internar Lucas, um garoto de 8 anos, que chegou ao pronto-socorro onde eu trabalhava com uma crise de asma fortíssima.
O hospital era muito simples e não dispunha de UTI pediátrica, e o garoto necessitava daquele recurso naquele momento e não tive outro recurso, coloquei-o na UTI de adultos.
Ele foi admitido por volta do meio dia e poucos minutos depois um paciente teve uma parada cardíaca. É claro que a enfermagem utilizou um biombo para isolá-lo, mas ele viu algumas coisas.
Pois bem, à tarde a enfermeira me chamou e disse que ele não queria dormir de maneira nenhuma, que ele não chorava nem reclamava, mas não dormia! Tentei saber o que estava acontecendo mas ele nada disse, permaneceu calado e acordado.
Já por volta das 22:00hs um novo paciente foi admitido. Assim que a enfermagem instalou o rapaz, este relaxou e fechou os olhos para dormir quando escutou a vozinha de Lucas falando bem baixinho, cochichando mesmo:
-Moço! Moço! Não dorme! Não dorme não!!!
-Porque?
-É que este aparelho que tá aí ligado em você é de um médico muito bravo; se o aparelho apitar o médico vem lá de dentro e te dá a maior surra, ele dá muito soco em você!
-Como é que é???Perguntou o moço já querendo rir.
-É verdade! Na hora que eu cheguei aqui eu vi! Tinha um cara aqui do meu lado que dormiu e o aparelho apitou e eu vi quando o médico entrou gritando e já batendo nele, eles fecharam a cortina mas eu vi! Eu é que não durmo de jeito nenhum!!
Estava explicado! Ele tinha presenciado o monitor cardíaco apitar denunciando a parada cardíaca e em seguida os procedimentos para reversão com massagem cardíaca que realmente é muito vigorosa.
Fui chamada e junto com o médico "dono do aparelho" explicamos tudo a ele que pode ver o suposto agredido já recuperado e finalmente relaxou e dormiu como um anjinho!


Um comentário:

Anônimo disse...

Coitadinho!
A gente nem imagina o que passa pelas cabecinhas deles!
Ainda bem que ele tinha um anjo ao lado para ajudá-lo a entender a situação e poder também dormir como um anjinho!
Adoro seu blog!
Alessandra.